Tags

Publicações Relacionadas

Facebook

 
 

José Aldo vence Chad Mendes e mantém cinturão do UFC

Ele prometeu e cumpriu. Em uma noite memorável no Maracanãzinho, José Aldo venceuChad Mendes por decisão unânime (triplo 49-46) e manteve o título dos pesos-pena no Brasil. Foi a sétima defesa de cinturão de Aldo, que agora possui 17 vitórias consecutivas. Já o americano Chad Mendes perdeu pela segunda vez em sua carreira, ambas para o campeão.

Os lutadores fizeram um duelo que enlouqueceu os fãs. Com muita movimentação, reviravoltas e golpes de tirar o fôlego, José Aldo e Chad Mendes mostraram porque estão no topo da categoria. Em um primeiro round espetacular, o brasileiro conseguiu a virada depois de sofrer um knockdown no início da luta e aplicou dois golpes duríssimos, que derrubaram o desafiante.
Em um segundo round mais estudado, Aldo permaneceu atacando e sendo mais contundente, enquanto Mendes tentava levar a luta para o chão. Os atletas voltaram com tudo no terceiro período, trocando golpes de maneira franca. O manauara absorvia os socos duríssimos do adversário e revidava com a mesma potência.

Após dominar os três primeiros rounds, José Aldo caiu um pouco de produção. O desempenho do brasileiro no quarto período foi muito prejudicado pelo sangramento no olho esquerdo causado por dedadas ilegais do americano nos rounds anteriores, o que rendeu uma advertência do árbitro Marc Goddard ao desafiante. Chad também começou melhor no quinto e último round, mas Aldo se recuperou e dominou o restante do combate. No final, o brasileiro foi anunciado o vencedor para delírio dos fãs presentes no local.

Resultados do card principal:
José Aldo venceu Chad Mendes por decisão unânime (triplo 49-46)
Phil Davis venceu Glover Teixeira por decisão unânime (triplo 30-27)
Fábio Maldonado venceu Hans Stringer por nocaute técnico (socos) aos 4 minutos e 6 segundos do segundo round
Darren Elkins venceu Lucas Mineiro por decisão dividida (30-27, 27-30, 30-27)
Beneil Dariush venceu Carlos Diego Ferreira por decisão unânime (triplo 30-27)

 

 


Comentários

comments